Buscar

Curicaca e ICMBio iniciam planejamento do turismo de observação de aves na Lagoa do Peixe

Em oficina técnica realizada com gestores e funcionários do Parque Nacional da Lagoa do Peixe, o Instituto Curicaca deu mais um passo nas ações de apoio ao ordenamento do turismo de observação de aves na Unidade de Conservação. A iniciativa ocorre no âmbito do projeto “Gestão d as perturbações à avifauna em Sítio Ramsar e ordenamento do turismo de observação de aves no Parque Nacional da Lagoa do Peixe com organização e inserção da comunidade local”, apoiado pela Fundação Grupo Boticário.


A iniciativa se propõe à estudar a perturbações que possam ocorrer às aves pela prática do turismo e estabelecer regras e formas de controle para a observação de aves minimizando os impactos. Além disso, vai qualificar jovens da comunidade para serem condutores de visitantes e de observação de aves, bem como estabelecer uma plataforma virtual para organização das operações. Com isso, haverá uma comunicação formal a ser acessada pelos interessados e também para melhorar a compreensão do ICMBio sobre o processo. Na reunião técnica realizou-se um desenho preliminar de ordenamento e preparou-se um conjunto de instrumentos de apoio à coleta e sistematização de informações sobre o turismo de observação de aves na região. Já a partir do Festival de Aves Migratórias, que ocorre de 15 a 18 de novembro em Mostardas, haverá interações com turistas e visitantes buscando coletar dados para dar suporte ao ordenamento. Outra importante reunião realizada pela equipe do Curicaca foi com alguns guias de observação de aves residentes em Mostardas. O Encontro foi preliminar, apenas para aproveitar a oportunidade de informa-los sobre o projeto. Também teve a intenção de preparar para um conjunto mais amplo de conversas e reuniões que ocorrerão com todas as pessoas que atuam ou atuaram na oferta desses serviços aos observadores profissionais de aves. Em breve, a ONG e ICMBio convidarão todos os guias para uma troca de experiências de maneira que eles sejam colaboradores para alcançarmos um ordenamento que atenda o interesse de todos. Para saber mais, entre em contato conosco pelo e-mail curicaca@curicaca.org.br

CURIO1.png