Buscar

Curicaca utiliza drone para avançar na conservação da biodiversidade

O Instituto Curicaca avança em metodologia de estudo da paisagem no projeto de Conservação das Últimas Dunas do Litoral Norte. Dessa vez, os técnicos da ONG, em uma parceria com a Universidade Federal do Rio Grande do Sul e com o biólogo Rafael Moura, experimentaram no Parque de Itapeva (Torres – RS) um sobrevôo às dunas do PEVA com um drone.



A utilização do drone para aerofotogrametria se soma ao geoprocessamento e às imagens de satélite no estudo das dunas costeiras do Litoral Norte Gaúcho. A partir dessas ferramentas tecnológicas, a ONG pretende investigar os hábitos de espécies endêmicas ameaçadas, como o Tuco-tuco, e a localização de manchas de Butiá-da-praia, além de monitorar de forma mais precisa os efeitos do processo de expansão imobiliária sobres a região e analisar áreas prioritárias para a conservação ambiental, especialmente devido às espécies ameaçadas que ocupam.

Controlados à distância por computadores ou meios eletrônicos, o veículo aéreo não tripulado pode percorrer uma extensa área sem o alto custo de um avião ou helicóptero. O equipamento permite alcançar áreas de difícil acesso, visto a sua versatilidade, e proporciona registros de alta resolução e amplitude do quadro fotográfico. Além disso, essa tecnologia tem sido muito usada como ferramenta de monitoramento ambiental e mapeamento de áreas de preservação, da fauna e flora, dos hábitos das populações silvestres para a consolidação de estudos ecológicos e de planos de conservação.

A nova tecnologia para monitoramento será usada também como aliada em outro projeto do Instituto Curicaca, o Programa de Conservação do Cervo-do-Pantanal no Rio Grande do Sul (PROCERVO), possibilitando registros mais precisos e em tempo real da espécie ameaçada de extinção. Ainda em agosto a ONG pretende investigar “dos ares” alguns nichos especiais dentro do Refúgio da Vida Silvestre Banhado dos Pachecos, um dos últimos locais de sobrevivência do Cervo-do-Pantanal em nosso estado.





CURIO1.png