Buscar

Site Artes do butiá e outras fibras do Sul é recebido com entusiasmo pelas artesãs

Lançado em Torres no dia 9 de março o site Artes do butiá e outras fibras do Sul, desenvolvido pelo Instituto Curicaca, empolgou as artesãs que se encontraram no salão comunitário de Campo Bonito. Foram apresentadas as seções que compõem a interface interativa do site, bem como as ilustrações de autoria de Patrícia Bohrer e a pesquisa jornalística de Júlia Pellizzari, equipe que participou das entrevistas em Torres ao longo do ano passado. As artesãs que tiveram suas histórias contadas, enquanto portadoras do conhecimento do artesanato com a palha de butiá, puderam se enxergar nas fotos e nos relatos, além de devidamente reconhecidas pela comunidade local que compareceu para prestigiar o lançamento.


O encontro teve, sobretudo, a importância de reunir pessoas que não se encontravam há algum tempo e restabelecer conexões entre as famílias envolvidas que guardam em comum a relação com o artesanato, além de ser incentivo à autoestima das mulheres que tiveram seus trabalhos reconhecidos e o valor cultural da prática ressaltado. Estiveram presentes pessoas da maior importância na transmissão do conhecimento entre gerações, como a Vó Calmira, artesã de 95 anos, e sua neta, também artesã que, embora não tenha ainda sua história contada no site, imediatamente se disponibilizou a fazer parte do projeto.


A acolhida por parte do público em geral que tomou conhecimento do lançamento através da divulgação prévia também foi bastante positiva, já com propostas de parcerias para comercialização do artesanato e na continuidade da pesquisa e divulgação deste saber tradicional. O projeto “Artesanato com fibras naturais e palha do butiá: salvaguardando um bem cultural das comunidades da Mata Atlântica” foi desenvolvido pelo Instituto Curicaca através de projeto contemplado pela Secretaria Estadual de Cultura.

CURIO1.png