Conservação e uso sustentável dos Butiazais do Coatepe

A população de Butia yatay da região do Coatepe, no município de Quaraí/RS, de valor paisagístico imensurável quebrando a monotonia das paisagens pampeanas e servindo de alimento e proteção para dezenas de espécies animais associadas, está em declínio devido à falta de reposição natural. Nessa área, o butiazal está em meio à pastagem de campo nativo, sobre a qual a principal atividade econômica é a pecuária de bovinos e ovinos. A situação crítica foi detectada pelo Instituto Curicaca em 2014 e comprovada cientificamente pela pesquisa realizada pela equipe da ONG (link). Com a parceria da Fundação Luterana Diaconia, dentro do Projeto Pampa onde já nos envolvemos na conservação e uso sustentável dos butiazais do Litoral Norte do RS, especialmente do butiá-da-praia em Torres, agora nos envolvemos novamente na região de Coatepe.


A FLD primeiramente o convidou o Instituto Curicaca para compartilhar essa experiência em um evento com a comunidade local, realizado em Rosário do Sul/RS, tendo a oportunidade de conhecer algumas famílias da região e que também nos permitiu expandir essa parceria para ações conjuntas na Região do Coatepe.
 

Ações de restauração dos butiazais por meio do isolamento de parcelas em algumas propriedades protegendo-as de ameaças do pastoreio e do fogo estão sendo implementadas desde 2015, com o apoio de famílias locais. Estas iniciativas, entretanto, precisam ser complementadas, e uma das soluções encontrada é o plantio estratégico mais abrangente, para o qual é necessária a produção de mudas de butiá por meio de viveiros, um dos instrumentos de maior importância dentro do processo de recuperação de áreas degradadas, pois disponibiliza uma quantidade significativa de mudas de qualidade para implantação em local definitivo.

 

Juntamente com a pesquisa científica, realizamos uma análise de saberes associados ao uso de produtos não madeiráveis do butiazeiro na comunidade que vive dentro, e no entorno do Butiazal, afim de reconhecer o patrimônio cultural imaterial da região.

 

Já foram realizadas oficinas e rodas de conversa com a comunidade, além de atividades de educação ambiental com uma escola do município (link da matéria).
 

Saiba mais sobre o projeto Pampa:


O projeto Pampa (Projeto de Minimização de Impactos Socioambientais através de estratégias urbanas e rurais no estado do Rio Grande do Sul), é uma inciativa da Fundação Luterana Diaconia, que tem por objetivo identificar, valorizar e potencializar saberes locais e boas práticas protagonizadas por diferentes populações que vivem na região do bioma Pampa, e também estimular a consolidação de práticas alicerçadas em princípios da sustentabilidade para proteger este bioma tão ameaçado.

 

Acesse e saiba mais: http://fld.com.br/projetopampa/page/projeto-/
 

Situação - Em andamento.

Parceiro - Fundação Luterana Diaconia (FLD)

 

Equipe técnica - Curicaca: Alexandre Krob, Fabiola Barcelos, Pâmela Friedmann, Jéssica Schüller, Caroline Zank, Laís Gliesch; FLD: Juliana Mazurana, Fernando Aristimunho, Julia Witt;  UFRGS: Gerhard Overbeck, Andreas Kindel.


Financiamento - Brot fur die Welt (Alemanha)
 

Objetivos.jpg
15 Vida Terrestre.png
13 Clima.png
12 Cons e Prod Respons.png
CURIO1.png